Catarina Mina – Conhecendo a Marca

Somos cearenses. Somos brasileiras. Fazemos bolsas, tudo tudo à mão.

Com 12 anos de estrada, acreditamos numa moda diferente, uma moda focada em quem produz, e que concentra seus esforços em questionar, repensar, refletir e tomar decisões levando em consideração um coletivo. Uma moda que se sustenta em um futuro de colaboração muito mais que de disputa.

A Catarina Mina continua tendo o Ceará como base de trabalho e produção. Um dos resultados da permanência e da relação com o lugar é a afirmação de Produto Artesanal Cearense, situando a marca em um movimento local e não menos luxuoso que outros trabalhos com foco em handmade (feito a mão) do País.

Especializada na criação e desenvolvimento de bolsas feitas à mão, a marca reflete a dedicação a todo o processo que envolve o nascimento de cada peça em produtos que aliam a tradição do artesanato à sofisticação do luxo.

O trabalho artesanal em crochê é feito por grupos no Morro Santa Terezinha e Itaitinga, em parceria com a fundadora da marca, a Designer Celina Hissa. A marca foi a primeira do segmento de moda a abrir os custos no Brasil, e hoje é possível constatar no site da Catarina Mina quanto do investimento vai para cada parte da cadeia. Uma causa que envolve o slow fashion e os conceitos de fairtrade (comércio justo), e se insere em movimentos mundiais como o Fashion Revolution, campanha para a erradicação do trabalho escravo nas marcas de moda.

Com a aposta de vários parceiros no nosso projeto chegamos no Reino Unido, Estados Unidos, França e já estivemos em Feiras em Berlim, Paris, NY. Nosso produto se espalha cada vez mais, uma coisa que nos enche o peito de orgulho mas muito mais nos enche de energia para trabalhar.

Atualmente vendemos em 45 lojas por todo o Brasil e estamos em 17 países, como Londres, Itália, Japão e nossa última conquista é que estamos na França em pontos importantes como o Le Bristol e Le Bon Marché.

Por essas e outras, fomos agraciadas com o prêmio Vogue Brasil /Ecoera, em 2015, e em 2016 com o Brasil Design, da 3M. Resultados que nos motivam a caminhar olhando pra frente!

Hoje a marca se destaca por seu projeto #umaconversasincera que teve visibilidade e reconhecimento nacional, recebendo prêmios pela inciativa, entre eles o Prêmio ECOERA da VOGUE idealizado por Chiara Gadaleta e prêmio BRASIL DESIGN (3M) (2016).

O projeto #umaconversasincera, que rege a campanha de custos abertos da marca, fazendo a ponte de viabilização e criação de produto de design para o artesanato de dezenas de mulheres em comunidades no Ceará. Em um ano de reposicionamento e abertura de custos, a Catarina Mina quadriplicou o número de mulheres artesãs envolvidas no processo, sem tornar a produção seriada, mantendo o cuidado com cada peça e principalmente tirando algumas das profissionais envolvidas de situação de vulnerabilidade social. Além disso, concebeu e adotou uma oficina de artesãs em distritos de Sobral, a Fia Oficina, que trabalha principalmente com palha de carnaúba e beneficia mais de 20 mulheres no distrito de Aracatiaçu.

E toda essa história tem muito a ver com o Espaço Ziy, com nosso DNA, de querer fazer o bem, valorizar talentos locais e o artesanal. Eu (Alessandra) conheci a marca em Trancoso e foi amor à primeira vista, hoje a Catarina Mina é vendida exclusivamente na Ziy em Dourados.

Share with

There are no comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *